No Breaks (ou UPS: Uninterruptive Power Supply, como são conhecidos internacionalmente) são a 
forma ideal de proteção contra os problemas com o fornecimento de energia elétrica, oscilações e outros surtos, que podem prejudicar os aparelhos e "queimar", computadores, centrais telefônicas, sistemas de telecomunicações e inclusive equipamentos domésticos.

Certos aparelhos necessitam do fornecimento de energia elétrica durante certos períodos de tempo, quando ocorre alguma falha na rede de distribuição elétrica.

Quando a energia se interrompe, o No Break aciona suas baterias e garante um tempo de funcionamento extra. Esse tempo é, em geral, da ordem de 15 a 30 minutos, um prazo suficiente para que o usuário os usuários de PC´s ou outros aparelhos ganham alguns minutos e salvar e fechar os arquivos em utilização, ou terminar uma tarefa com outro equipamento elétrico. 

Os No Breaks variam de acordo com a necessidade x aparelhos e tempo desejado de baterias caso haja interrupção de energia.

Existem ainda alguns No Breaks com baterias externas adicionais que podem atingir até duas ou 
quatro ou mais horas de autonomia dependendo da carga total em watts. Neste caso, o usuário pode simplesmente fechar o arquivo ou até continuar trabalhando. 


Como funciona 

O No Break (literalmente "sem parada"), mantém o seu micro ligado se a energia da rede pública
for interrompida. Ele tem uma bateria (ou vírias), além de um circuito elétrico que identifica a
interrupção de energia e começa a alimentar automaticamente o micro com a corrente elétrica
acumulada na bateria. 

Genericamente temos: 

Dentro do No Break existe a Chave de Transferência, que é uma chave interna ao no break responsável por duas funções:
1-Conectar a rede elétrica às cargas quando a rede elétrica está em condição 
satisfatória;
2-Conectar o conjunto baterias-inversor às cargas quando ocorrer alguma 
anormalidade no fornecimento de energia elétrica. 

Existem também no No break: 

Inversor: Circuito interno ao no-break que transforma a tensão das baterias(DC) em tensão alternada (AC), sendo esta última do mesmo tipo da fornecida pela rede elétrica. 

Retificador: Dispositivo com a função de transformar a tensão alternada (AC) da rede elétrica em tensão contínua (DC) para alimentar o inversor. 

Quando ocorre uma falha no consumo de energia, A Chave de Transferência é acionada,  um Tempo de Transferência - Tempo (6 milissegundos) necessário para que a chave de transferência mude a conexão rede elétrica-cargas para o conjunto baterias-inversor-cargas, e a partir das as baterias passam a alimentar o micro. 

Existe também o BY PASS - Sistema de proteção que em caso de "pane" do no break, alimenta as cargas diretamente com a energia da rede elétrica "filtrada". 


Tipos de No Breaks 

Existem dois tipos básicos de no breaks: off-line e on-line. Ambos mantêm os equipamentos em funcionamento sem interrupção. A diferença está na forma como a energia chega à maquina.
 
Os aparelhos do modo "off-line", possuem tecnologia utilizada mundialmente, e surgiram com o objetivo de diminuir os custos de produção. Nesse caso, as baterias contidas no no break levam, em média de 2 a 6 milissegundos para dar o comando de start da bateria e emissão de de energia. 

No caso do no break on-line, as baterias ficam carregadas em regime de flutuação, ou seja, a energia necessariamente passa pela bateria para entrar no computador; o tempo de transferência ou tempo de comutação é igual a zero. O no break assume a energia elétrica imediatamente na hora da queda. Eles são recomendados para aplicações mais cràticas, como servidores de rede, sistemas de telecomunicações, equipamentos hospitalares e outros. 

Off-line (Line interactive) 
Stand by 
Os nobreaks off line stand by, também conhecidos no Brasil com Shortbreak, desempenham as seguintes funções: 

Com rede elétrica normal o no break também controla a variação da tensão de energia a ser transmitida as cargas, sendo um potente "estabilizador e filtro";


Quando ocorrer "queda" de rede ou quando a tensão da rede elétrica estiver "baixa", a chave de transferência do no break é acionada permitindo que as baterias forneçam energia as cargas através do inversor; 


Line Interactive 
Os nobreaks LINE INTERACTIVE possuem as caracteràsticas descritas abaixo: 

Com a rede elétrica variando ao redor do valor nominal, a tensão de saàda é controlada e protegida contra interferências (EMI e EFI) e surtos de tensão através de circuitos eletrônicos especialmente dimensionados; 

Em falha de rede, a tensão de saàda é interrompida por um tempo inferior a 4 milésimos de segundo, que é o tempo suficiente para o acionamento do inversor que trabalha em paralelo. Esse procedimento é muito mais rípido que o utilizado em equipamentos com chave de transferência (nobreaks STAND BY ou como são conhecidos no Brasil, Shortbreak); 

Os nobreaks com Tecnologia LINE INTERACTIVE, como possuem estabilizador interno, corrigem o nàvel de tensão fornecido as cargas a um valor adequado sem a necessidade de entrar freqüentemente em operação bateria, não descarregando as baterias desnecessariamente; 

Os nobreaks LINE INTERACTIVE estão se tornando populares devido a sua excelente relação custo/benefàcio. 




Considerações (na hora de comprar um no break) 

Potência Máxima fornecida, varia de 300 até 3000 VA, (ou mais, para uso profissional).
Este item é de suma importância pois o consumo da carga não deve ser superior a 90% da potência do Nobreak, 


Autonomia (Tempo de carga), determina qual vai ser o período que o(s) equipamento(s) ligados a saída do no break permaneceram energizados, pode variar de 5 minutos a 2 horas dependendo do tipo e quantidade de aparelhos nele plugado.

Tolerância das tensões de entrada e saàda, geralmente menor que 10%, exemplo: ±3,0% 
da Tensão de entrada, A tensão pode variar indistintamente, com voltagens de 110, 127 e 208, 220, 230V, etc. No caso do Brasil isto é muito importante, pois essas diferentes tensões nominais convivem, muitas vezes, num mesmo bairro e até num mesmo ambiente. 

 

 


Número de tomadas de saàda de tensão, recomenda-se quatro ou mais. 
Tomadas de proteção telefônica, os modelos novos jí vem com esta opção. 

Estabilizador e Filtro de Linha embutidos, verifique se existem. Só assim pode-se evitar oscilações e picos de energia e ruàdos de radiointerferência e interferências eletro-magnéticas. Além disso, pequenas oscilações e distúrbios na corrente (imperceptàveis na maioria dos casos) podem travar o sistema e até danificar equipamentos. 

Rendimento, todo aparelho para funcionar consome energia, este valor deve ser o mais baixo possàvel, exemplo: maior que 95 %. ou seja, ele consome 5 % de energia para funcionar, e fornece 95 % de trabalho. 
Tempo de resposta (milisegundos), é o tempo que o nobreak levarí para perceber a queda da tensão na entrada, acionando a bateria que alimentarí o inversor, depende da tecnologia, Quanto menor melhor (isso só vale para no breaks off-line). 

Assistência Técnica, é interessante o usuírio se informar com sua revenda, para verificar se determinada marca de No Break jí foi efetivamente testada no mercado. Seja como for, ele deve procurar equipamentos de fabricantes que possuam rede de assistência técnica em todo o território nacional e, em especial, próxima de seu endereço. 
Microprocessamento, este recurso permite que o nobreak se comunique através da interface serial com o microcomputador usando um software de controle que monitora a situação da rede tomando decisões, como desligar um servidor de rede. 

Outras caracteràsticas, Regulagem eletrônica, Painel digital, Voltàmetro eletrônico embutido, grau de aterramento e isolamento, controle remoto, é obvio que quanto mais moderno o no break, maior o preço. 


Tabela de Caracteràsticas do Nobreak 

Tensão VAC Número de Tomadas Potência max. 
( VA) 

Entrada Saàda Bateria Elétrica Telefônica 500 
115 800 
220 115 12 4 ou 3 Sim ou Não 1000 
115/ 24 1500 
220 Bi 48 2000 
3000 


Como dimensionar a Potência do No Break 

Desde que a maioria dos no breaks são usados para proteção de computadores, tudo que você precisa saber é a quantia total de VA (volt-ampere) do hardware que você quer conectar ao no break. Em casos raros, onde o no break irí proteger um equipamento que não seja um computador (ou impressora) serão necessírias informações adicionais com o fabricante do no break. 

Para determinar a capacidade do no break que você precisa, siga estes passos simples: 

1. Liste todo equipamento a ser protegido pelo no break. 

2. Obtenha o valor da voltagem e da amperagem de cada parte do sistema. 

3. Multiplique a voltagem e a amperagem de cada peça e coloque o resultado como ?VA?. Alguns equipamentos, como um computador, podem ser marcados com nàvel de consumo de energia medido em watts. Para converter Watts para VA, simplesmente divida por 0.70 (para um fator de energia = 0.7) ou multiplique por 1.43. 

4. Totalize os valores de "VA" e coloque o resultado no "Subtotal". 

5. Multiplique o subtotal encontrado no passo 4 por 0.25 e use o 
resultado como ?Fator de Expansão?. Este cílculo permite futuras expansões. Sistemas modernos são fabricados para expansão e este passo é recomendado para permitir expansões. Recomenda-se que você some 5% a cada ano como expansão, para cinco anos, 25%. Seus planos de expansão podem requerer uma capacidade maior de no break no futuro. 

6. Adicione o ?Fator de Expansão? ao ?subtotal? para obter o ?VA necessírio?. 

7. Agora escolha o no break apropriado com VA um pouco acima do valor ?VA necessírio? que você encontrou no passo 6. 


Tabela genérica de valores de consumo (em VA) 


Equipamento Consumo Míximo-VA Consumo Tàpico-VA 
Microcomputador 
(Monitor de 14 ou 15 
polegadas) 200 130 
Terminal (14 polegadas) 100 50 
Impressora 132 colunas 100 70 
Impressora 80 colunas 75 50 
Impressora Jato de Tinta 80 50 
Impressora Laser 1000 800 


Observe: 

O consumo dos equipamentos de informítica vem diminuindo com a evolução; por exemplo: um 586 ou Pentium com 1.2 GBytes de Winchester e monitor de 14 polegadas, consomem 130VA; porém, um PC-XT, consumia mais de 200VA. 

Utilize os valores tàpicos para modelos modernos e os valores míximos para os modelos antigos. 

Após somar as potências de todos os equipamentos, determine a potência do No Break pelo valor padronizado imediatamente superior. 

Microcomputadores com monitores acima de 15 polegadas tem um aumento considerível no consumo. 


Perguntas e Respostas 

Os populares no breaks line-interactive parecem oferecer regulação de voltagem e condicionamento de energia para a maioria das necessidades. Por que eu deveria considerar maior proteção? 

No breaks line-interactive realmente oferecem muito mais proteção que os stand-by simples. Às vezes, porém, isto não é suficiente. Equipamentos eletrônicos sensàveis de medição, aplicações médicas, e computações verdadeiramente ?missão-cràtica? ou hardware de rede exigem o nàvel mais alto de proteção. 

Quanto tempo de bateria eu tenho realmente? Os fabricantes divulgam os tempos estimados com a bateria totalmente carregada, mas ninguém usa elas 100% carregadas. 

A maioria dos usuírios computa os tempos das baterias fatorando juntos os tempos estimados e a capacidade do no break. Por exemplo, se seu no break tem autonomia de 10 minutos, e você estí usando 50% de sua capacidade, assuma uma autonomia de 20 minutos. 

O que é o ciclo de vida da bateria e como se relaciona com as minhas baterias? 

Assim que a bateria é fabricada, seus anos de operação útil são definidos pelo número de ciclos (carga/descarga) a que ela serí exposta durante aquele peràodo de tempo. Esta é uma especificação padrão na garantia dos fabricantes de baterias para as baterias que colocam no mercado. 

Quais são os efeitos das altas temperaturas na operação segura de meu no break e de minhas baterias? 

A partir de uma certa temperatura limite, acréscimos de temperatura podem reduzir a vida útil de uma bateria. Se um no break deve operar em ambientes com temperaturas maiores do que as especàficas do no break, deve-se levar em conta que sua eficiência irí diminuir. 

Quais são os vírios tipos de falhas que ocorrem nas baterias? 
As baterias podem falhar de vírios modos. Os mais comuns são: 
Falha de uma única célula - Normalmente devido a curto-circuitos internos que ocorrem tipicamente no inàcio da vida útil da bateria e que podem ser resultado de defeitos de fabricação ou falta de cuidado durante o transporte e/ou instalação. 

Perda de capacidade - Isso acontece quanto a bateria se torna incapaz de manter a carga pelo peràodo de tempo especificado. A redução na capacidade pode chegar a ser dramítica, a ponto de baterias de quatro, oito horas durarem apenas alguns minutos. 

Falha catastrófica - Uma falha catastrófica ocorre quando a integridade estrutural da bateria não estí mais intacta, isto é, existe deformação na estrutura da célula como resultado de corrosão, por exemplo. 


Custo 

Enquanto o preço do No Break mais poderoso equivale ao de um micro, o Short Break (No Break doméstico) varia de R$ 200,00 a R$ 300,00. 

Deve-se considerar ainda que o preço varia de acordo com a necessidade do usuírio, isto é, para um usuírio comum, um No Break pode estar na faixa estipulada acima, jí para empresas que necessitam proteger vírios micros ligados por um peràodo considerível de tempo, o preço pode variar de R$ 500,00 até o custo do próprio micro. 

O No Break on-line é o mais seguro de todos os No Breaks, devido a este fato, se dí ao luxo de custar mais, estí na faixa de US$1000 por 1000VA. Deve-se levar em consideração o real valor da informação a ser protegida ao adquiri-lo. 

De acordo com um levantamento feito com diversos fabricantes nacionais, de cada dez servidores vendidos, três utilizam no breaks; nos Estados Unidos, de cada 10, nove usam o equipamento. O aumento da escala de produção e a queda dos custos dos componentes são fatores que legitimam reduções significantes no custo dos no breaks.

Fonte: http://www.forumgdh.net
Fonte2: http://www.txt.org

 

Consulte nossos sites.

http://www.eatonnobreak.com.br
http://www.nobreaktrifasico.com.br

RokBooster

Increase the speed of your site by enabling the RokBooster plug-in. RokBooster can dramatically reduce the number of HTTP calls a browser has to make, and sending those compressed files GZipped means your pages will load faster with less load.

Download: RokBooster

RokPad

RokPad provides advanced functions such as an Ajax saving action, syntax highlighting, multiple cursors and selections, shortcut keys, and many other incredible features that traditionally would only be found in a powerful desktop editor.

Download: RokPad